Vidas em branco.

PDFImprimirE-mail

Tem pessoas que tentam a vida inteira transformar suas vidas em páginas negras nas vidas dos outros. E na maioria das vezes, por motivos banais e irresponsáveis ou quem sabe, até demência.
A fixação com o tempo vira obsessão, e a obsessão, doença. Sem cura, e sem resultados.


Sempre o mais difícil de aceitarem é de que os alvos acabam ressurgindo das cinzas, como Fênix. E seus novos brilhos ainda mais intensos, deixam o escuro ainda mais obscuro.


Seria como se atirássemos bombas contra o sol. Provocariam choque inicial, mas receberiam de volta um brilho ainda mais intenso, aumentado com a força de sua explosão.


O ser humano é incapaz de entender de que as flechas de fogo jogadas podem voltar com a força do tempo e do vento. E vão arder. Mais forte do que quando jogadas.


Em tempos em que se fala tanto de sonhos de consumo, há aqueles que têm como, destruir vidas. Mas esquecem de que seu túnel fica cada vez mais profundo e com cada vez menos luz. A pouca que ainda tinham, jogaram em direções erradas.


Como podem algumas trincheiras ser tão difícil de serem destruídas? Pelo simples fato de só um estar em guerra.

O outro está em paz. Consigo mesmo e com a vida.
Uns tentam a vitória e somam derrotas. Buscam a rendição, mas jamais verão a bandeira branca. Esta só aparecerá sim ao final de seus tempos.


Altiva, forte e alva. Mostrando que depois de tantas vezes, só resta em suas páginas a mais difícil constatação. A bandeira da rendição, cairá em suas mãos. Sem motivo, como a guerra.  Sem vitória.


Depois de tantas lutas e sem vitórias.


O título ao final.


Vidas em branco.


Já estão a disposição na loja virtual do www.perse.doneit.com.br digitar em buscar Antonio Jorge, os livros “Ele!”, “Ele Voltou!”, 87 “Conversas!” e “Parecem Mentiras!” em versões impressa e ebook PDF.


Antonio Jorge Rettenmaier, Cronista, Escritor e Palestrante. Esta crônica está em mais de noventa jornais impressos e eletrônicos no Brasil e exterior. Contatos, Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. . No Facebook , ajrettenmaier.

 

 

 

 

  • Sete ?Informatica
  • Teste Direita
  • Teste Direita 02
Joomla